Facebook
Twitter
Ouvidoria
Youtube

Secretaria de Saúde fornece carteira de saúde e profere curso sobre manipulação de alimentos aos ambulantes

Data de inclusão 14/11/2006 00:00



A Secretaria da Saúde juntamente com a Secretaria de Turismo estão proporcionando a capacitação dos vendedores ambulantes da cidade com o intuito de que estes recebam os turistas cada vez com mais qualidade e dignidade.

 

A Vigilância Sanitária proferiu curso sobre boas práticas de manipulações de alimentos, para em torno de 100 pessoas, com o objetivo de que os vendedores não transmitam doenças pela manipulação de alimentos aos turistas e a comunidade. A diretora de vigilância sanitária mestre em Ciência e Tecnologia de Alimentos, Simone Pedrollo Lora afirma que houve grande participação e bom aproveitamento de todos.

 

Apesar de Itapema ter a vocação turística, até o momento os vendedores ambulantes nunca tinham sido orientados que é importante saber sobre a manipulação de alimentos, bem como da importância de investir na qualidade do atendimento aos turistas em beneficio da cidade e do próprio empreendimento.

 

A partir de agora a Secretaria Municipal de Saúde fará todos os exames de laboratório e médico para depois fornecer aos vendedores ambulantes a carteira de saúde que demonstrará que os mesmos estão aptos a manipularem os alimentos em condições higiênicas sanitárias. Para isso foi disponibilizado um médico clínico que vai realizar consultas médicas e foram contratados os três laboratórios credenciados pelo município para fazer os exames, que serão em torno de 30 exames de análises clínicas diários só para as carteiras de saúde.

 

No encerramento do curso além do diploma os vendedores ambulantes receberão a requisição dos exames estipulados para aquisição da carteira de saúde, evitando que os mesmos fiquem se deslocando várias vezes. Os vendedores após receberem as requisições, já com a data agendada, juntamente com o pote para coleta de exames, irão para a consulta médica também agendada. “Com isso estamos demonstrando que estamos agilizando o atendimento na saúde, evitando transtornos aos vendedores ambulantes e, assim, humanizando a assistência à saúde dos nossos munícipes”, afirma a Secretária Marlene Possan Foschiera.