Facebook
Twitter
Ouvidoria
Youtube

Meninas entre 9 e 11 anos agora poderão ser vacinadas contra o HPV em 2015

Data de inclusão 15/01/2015 15:01

Uma nova medida tomada pelo Ministério da Saúde (MS) busca diminuir a taxa de incidência de câncer de colo de útero. A novidade é que neste ano, meninas com idade entre 9 e 11 anos também poderão receber a imunização contra o papilomavírus humano (HPV), enquanto no ano anterior, a população prioritária eram somente meninas de 11 a 13 anos.

Dentre os fatores para a ampliação da faixa etária está a alta taxa de prevalência de câncer do colo de útero no Brasil e também pelo fato da maioria das adolescentes na faixa de 9 a 13 anos ainda não terem sido expostas aos tipos de HPV 6, 11, 16 e 18.

A vacinação contra a HPV ocorre em três etapas. A primeira dose agora deve ser aplicada em meninas de 9 a 13, a segunda seis meses após a primeira, e a terceira, cinco anos após a primeira dose. Já as meninas entre 11 e 13 anos que receberam a vacina o ano passado não precisam tomar novamente, apenas devem continuar com o esquema vacinal.

Segundo o Secretário de Saúde, Everton Ricardo da Silva, as Unidades Básicas de Saúde (UBS) de Itapema estão trabalhando para garantir a imunização. “O vírus HPV é uma das principais causas de ocorrência do câncer do colo de útero – terceira maior taxa de incidência entre os cânceres que atingem as mulheres. Por isso, é muito importante que os pais levem suas filhas para que recebam a imunização e fiquem protegidas”, afirmou o Secretário de Saúde, Everton Ricardo da Silva.

Atendimento nas UBS

As salas de vacina das Unidades Básicas de Saúde do Morretes, Jardim Praia mar e Tabuleiro estão fechadas neste mês de Janeiro e a UBS do Ilhota está atendendo somente no período da tarde. Nas demais Unidades o atendimento das salas de vacina continuam em horário normal, das 8h às 12h e das 13h às 17h. A partir do próximo mês, todas as UBS voltam a atender em horário normal.