Facebook
Twitter
Ouvidoria
Youtube

FAACI e moradores do centro se unem para recomporem os manguezais

Data de inclusão 15/02/2017 09:49

MATERIAL PRODUZIDO PELA  SECRETARIA MUNICIPAL DE COMUNICAÇÃO SOCIAL E DIVULGAÇÃO INSTITUCIONAL – SECOMDI

  Jornalista Responsável: André Gobbo (Fone: (47) 8828-2474)

  REPRODUÇÃO AUTORIZADA

 Itapema, 10 de outubro de 2006

 

 

 

  FAACI e moradores do centro se unem para recomporem os manguezais

 

 

 

 

O centro de Itapema já foi um espaço rico
em manguezal. Com o passar dos anos e pela exploração imobiliária inconseqüente, foi, praticamente, extinto pelas ações  do homem. Diante desta realidade a Associação de Moradores Itapema Centro (AMIC) em parceria com a Fundação Ambiental Área Costeira de Itapema (FAACI), numa atitude de cidadania,  lançam o projeto  “Berçário de espécies de vegetais do ecossistema manguezal”, com o intuito de promover a vida  neste ecossistema e preservar a mata ciliar.

Neste projeto a FAACI promoveu aos moradores do bairro uma palestra de sensibilização e conscientização sobre a importância da preservação; sendo que tal atividade finalizou com uma ação prática que foi o plantio de mudas Laguncularia sp,  conhecida como mangue branco, dando início à construção de um dos primeiros viveiros de mudas no estado de Santa Catarina.

Manguezais são regiões próximas ao mar, que recebem tanto água salgada, pala ação das marés, como água doce dos rios que ali desembocam. Os manguezais são ecossistemas de grande importância no equilíbrio ecológico, sendo um berçário favorável para o desenvolvimento de muitas espécies de animais e plantas: um verdadeiro cordão  umbilical  entre a terra e  o mar.

 

 

 

 

Maiores informações: Bernadete – FAACI – (47) 3368-1603